Mobiliário Infantil Gravataí, Rio Grande do Sul

Esta página disponibiliza matérias sobre dicas de como transformar a teoria na prática nos mobiliários infantis, a faixa etária em que os mobiliários devem estar na escala das crianças e uma lista de empresas e profissionais liberais que atuam nessa área na cidade de Gravataí. Veja abaixo a lista de empresas e profissionais liberais da região de Gravataí e esclareça suas dúvidas sobre como deixar os acessórios das crianças acessíveis a ela.

Grazziotin
(51) 3490-1073
av Dorival Cândido L Oliveira, 4080 Cohab A
Gravataí, Rio Grande do Sul

Dados Divulgados por
Lojas Quero Quero
(51) 3484-3562
av José Loureiro Silva, 1605 Centro
Gravataí, Rio Grande do Sul

Dados Divulgados por
Modas Machado Viana Ltda
(51) 3476-1009
r Rio Grande do Sul, 115 Mathias Velho
Canoas, Rio Grande do Sul

Dados Divulgados por
Lojas Renner-Lj 25
(51) 2131-3200
av Guilherme Schell, 6750
Canoas, Rio Grande do Sul

Dados Divulgados por
Fibrama Magazine
(51) 3472-1706
r Tiradentes, 236 Centro
Canoas, Rio Grande do Sul

Dados Divulgados por
Casas Bahia
(51) 3496-7093
r Cel Fonseca, 777 Centro
Gravataí, Rio Grande do Sul

Dados Divulgados por
Bia Modas e Confecções Ltda
(51) 3434-1875
av Sen Salgado Filho, 3752 Viamópolis
Viamão, Rio Grande do Sul

Dados Divulgados por
Rudinei Bgeginsky
(51) 3425-1606
r Primavera, 1890 Rio Branco
Canoas, Rio Grande do Sul

Dados Divulgados por
Grazziotin
(51) 3477-5133
av Getúlio Vargas, 5543 Centro
Canoas, Rio Grande do Sul

Dados Divulgados por
Fontana Magazine
(51) 3059-1485
r Araguaia, 606 ap 202 M Velho
Canoas, Rio Grande do Sul

Dados Divulgados por
Dados Divulgados por

Dicas de decoração de quarto infantil

CONCEITOS NA PRÁTICA.
A decoradora Ligia Reston dá algumas dicas de como transformar a teoria na prática e algumas sugestões:
Na faixa do zero aos três anos, as cores devem ser suaves, os materiais fáceis de serem limpos; e seguir a fantasia da mãe.
A partir dos três anos, o mobiliário deve estar na escala da criança.
Uma dica muito especial: a mãe deve se abaixar à altura do filho para ver como a perspectiva muda e a partir daí deixar livros e papelaria acessíveis. Brinquedos, principalmente....

Clique aqui para ler este artigo em Decoração Infantil